O meu diário: Clara e Xavier - Dia 3

by - abril 17, 2020


Na altura que criei o blog, foi com o intuito de partilhar os diários que tinha da Clara e do Xavier da Neonatologia. Era como um refúgio para mim. Eu sentava-me naquele cadeirão ao lado deles e por momentos entrava numa bolha onde me concentrava em escrever sobre o dia deles. Umas vezes dava, outras vezes estava mergulhada numa angústia tal que ficava a contempla-los. Os diários ajudavam-me a rever os dias anteriores e a pensar que já tinha sido pior e que um dia a mais era um dia mais perto da alta.


Passados quase 2 anos é ainda muito difícil para mim abri-los e lê-los. Recordo-me de cada momento como se fosse hoje, o presente. Hoje foi dia de os ir buscar de novo e passa-los a computador. Os dias do Xavier ventilado estão-me na memória. Agora, o momento que vivemos de pandemia, onde tanto se fala de ventiladores é mais um motivo para pensar sobre esses dias de neonatologia. O Xavier esteve ventilado 3 dias. Pareceram meses... E o ventilador é de facto um monstro que ao pé de um bebé com 40cm parece ainda mais astronómico. O dia que vos trago hoje é o dia 3. Um dia com boas notícias, um dia calmo. O que eu pretendo com isto é trazer o nosso testemunho feliz. Neste momento existem muitas mães a passar pelo mesmo que nós. Com medo, com dúvidas, onde são outros testemunhos o grande alento.
Se quiserem rever os dias anteriores que já tinha escrito podem carregar directamente neste link para o dia 2: O meu diário: Clara e Xavier - Dia 2 e para o dia 1: O meu diário: Clara e Xavier - Dia 1

---------------------------------------------------

Xavier

Depois de um dia 2 tão atribulado, chegam notícias que animam os papás. Não piorei, continuo calmo e tranquilo e estou melhor. Fico muito cansado com as mudanças das fraldas por isso hoje é um dia mais calmo para mim e por isso só me mexem quando é mesmo necessário. Na mudança da fralda o pai veio ajudar e eu fiquei muito feliz. A mãe tem medo de me magoar. Embora o pai a tranquilize e diga que ela consegue ela continua com medo. Por isso teve a ideia de pôr um bonequinho azul ao pé de mim que cheira a pai e a mãe. Eu sei que eles passam o dia ali sentados ao pé de mim. O pai levanta-se para ir ter com a Clara porque ela não gosta de estar sozinha mas a mãe não arreda pé. E eu sei que ela está ali. Como eu gostava de a abraçar e dizer que vai ficar tudo bem. 

A boa nova é que vão dar-me leitinho também. Ahhh, e também me mediram. São 45cm, toma lá Clarinha!!! Agora foi hora de mudar a fralda de novo. Senti agitação e abri os olhinhos. Vieram logo namorar-me e a mãe entendeu a mensagem e trocou-me a fralda. Já me deram o leite da mamã que soube a pouco. Pelos vistos também vou ter de ir fazer um bocadinho de solário. Somos mesmo gémeos mana, estamos juntos! 


Clara

E já passaram 3 dias! O pai veio ver-me logo de manhã e soube que eu continuo a evoluir muito bem. Já tenho acesso a mais leitinho e tudo! Não tarda até já estou gorducha. A mãe chegou e aprenderam a mudar-me a fralda no meio destes fios todos. Foi tão giro. O pai é do mais organizado que há. Fios para um lado Clarinha para outro. A mãe é diferente. No meio do caos também se mudam as fraldas!!! Papás vão se habituando que aqui são só xixis bonitos, mas em casa...
Depois de me mudarem a fralda, a enfermeira pôs umas gotinhas de leite na minha boca e eu gostei muito. Fiz uma careta mas foi porque não conhecia estes sabores.

À tarde, os pais mudaram-me a fralda sozinhos e da minha avaliação daqui a nada podem vir outra vez. O pai tem as mãos grandes e eu fico muito caladinha e aconchegada. Sempre que ele vai ver o mano eu choro para ele voltar. Desculpa Xavier.
Ah, e finalmente mediram-me. Andavamos aqui neste impasse para eu pedir uns vestidos de lantejolas. 41 cm. Já só me faltam 1m60cm para ter a altura da mamã!!!
Acordei da minha sesta e reparei que tenho um boneco cor-de-rosa pertinho de mim. Obrigada papás, adorei o presente. Assim também me sinto mais pertinho de vocês. 


You May Also Like

0 comentários